O descolado virtual

                                                 Por Elton Tavares
Fazendo uma autocrítica, percebi que, com algumas (poucas) pessoas, com quem não tenho muita intimidade real, sou um falso descolado, um descolado virtual. Deixem-me explicar, no Messenger (MSN,programa de bate papo virtual. Como se ninguém soubesse) converso com familiares, amigos e colegas de trabalho. Vira e mexe, adiciono ou sou adicionado a novos contatos. Aí começa tudo.

Vamos por partes. Geralmente são amigos de amigos, conhecidos “de vista” ou alguém que você precisa manter contato, por conta do trabalho ou algo assim. Eu não costumo “azilar” (claro que existem as exceções) no MSN, mas conheço muitos que usam a ferramenta para complementar suas vidas vazias e carentes. Este grupo isolado de gente é descoladíssimo pela net, mas não se garante pessoalmente.

Eu já fiquei errado com este tipo de situação, mas existem casos e casos. Estou falando do cara que, pelo MSN, é bom de bola, bom de porrada, culto (seja literária ou musicalmente) e (como é comum) bom de cama (risos). É um blá, blá, blá para cá, um lári, lári para lá, mas na hora do bicho pegar, o sacana é uma fraude, só capa, só “H”. Ah, não precisa ser necessariamente um cara, saco meninas assim também.

Muitos, que hoje são amigos meus, foram inicialmente contatados pelo MSN ou Orkut, esse papo dá certo. Rola empatia e tals, mas só se você for a mesma pessoa no mundo real, a mesma pessoa “foda”(ou não) que é na frente do computador.

É por isso que, quando uso as ferramentas virtuais, seja Orkut, MSN ou afins, sempre sou eu mesmo. Conselho aos descolados virtuais, sejam vocês mesmos, verão que será muito mais proveitoso e menos decepcionante (risos).
  • Avatar

    Realmente muleke fico de cara com umas figuras assim. Téti a téti fica lá nem chove e nem molha igual chuva de engana besta.
    Como não sofro desse mau prefiro e velha LÁBIA MACAPAENSE…Me resolvo em qualquer parte deste Brasil…Valeu Elton…
    Abç
    Alex Nazaré

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *