A Província de São Paulo, 15 de novembro de 1889. Glorioso centenário da grande revolução. Proclamação da República Brazileira

“Recebemos ontem o seguinte telegrama: Foi proclamada a República no Brazil. Consta que o governo provisório será organizado com o general Deodoro e Quintino Bocayuva. Afirmam outros que o governo será constituído pelo general Deodoro, Quintino bocayuva e Benjamin Constant. Foi convocada uma reunião popular para aclamação do governo. O ministério foi obrigado a assinar a sua demissão. O barão de Ladario foi ferido e acha-se em perigo de vida. Logo que recebemos este telegrama, fizemos distribuir o seguinte boletim: Cidadãos, notícias da Corte anunciam a proclamação da República – a forma de governo que exprime o sentimento nacional! Unamo-nos! Para garantir a ordem, porque o novo regime nasce da livre manifestação popular! Povo! O primeiro dever republicano neste momento é ser calmo, previdente, justo, tolerante, para ser enérgico na organização! A República significa a paz, o progresso, a civilização. Unamo-nos sem distinção de partidos para firmarmos esse novo regime que nos há de trazer a glória, a grandeza e a felicidade. Viva a República!”

Compartilhe isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*