A regra é clara!


Em curioso ouvir o discurso do mercado, que fala por meio de seus representantes mais sublimes: o gerente. Este porta voz ousa querer nos convencer de que ser ético é jogar na real. Sai dizendo por ai que tem os olhos voltados para as pessoas e para os resultados. E isso é possível? Há quem acredite que é! Assim como há quem acredite em papai noel, coelho da pascoa, em vida após a morte, em morte definitiva, em concorrência leal…

Para mim isso tudo é mais uma grande fantasia humana. Vivemos para realiza-las!

Pois bem, ou você se encaixa ou eu te despacho! Ponto.

Só tenho mais uma coisa a dizer sobre isso: a regra é clara! Ser Humano não é máquina que se adequa a processos milimetricamente coordenados e planejados. Ser humano se desumaniza quando antes das pessoas vêm as leis e regras! Ser humano se embrutece quando o que importa é o lucro. 

Por falar em regras, eu não desacredito em todas, não sou tão rebelde quanto pensam ou o quanto eu gostaria de ser, existem algumas em especial que ainda busco seguir:

Regra 1: Máquina não tem criatividade; Regra 2: Máquina não pensa por si; Regra 3: Máquina é sempre dependente; Regra 4: Máquina acredita que é livre e feliz (principalmente quando vislumbra aquele aumento no salario por ter seguido efetivamente os padrões!); Regra 5: Máquina não sente, não adoece, não se aborrece, não ama.

Se burlar estas regras é realizar sonhos, eu prefiro ficar acordada!

Se formos ler a história da humanidade, quantas desgraças já aconteceram, provocadas pelos próprios homens, dito racionais (hahahahahaha…), que não seguiram essas regras!

Maria Helena

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *