Governador participa da Formatura de novos soldados da PM/AP

Foto: Chico Terra.

O governador Camilo Capiberibe participou, nesta quinta-feira, 20, no Quartel de Comando da Polícia Militar do Amapá (PM/AP), da Formatura dos 191 novos soldados da PM. Os incorporados ao efetivo concluíram o Curso de Formação e Aperfeiçoamento (CFA), que os habilitou a prática policial. A ação faz parte da política de fortalecimento da corporação e melhoria do policiamento no Estado.

O CFA foi ministrado no Centro de Formação e Aperfeiçoamento da PM. Entre as instruções recebidas no curso, os militares foram capacitados em Técnicas de Abordagens, Policiamento Comunitário, Policiamento Ostensivo, Método Giraldi, Direito Processual Penal e Direitos Humanos.

Segundo o comandante da PM, coronel Pedro Paulo Resende, o reforço no efetivo é mais um avanço para a melhoria da manutenção da paz e da segurança no Amapá. O comandante anunciou que o novo grupamento atuará neste sábado, 22, na segurança da 48ª Expofeira Agropecuária do Estado, para reforço do policiamento no evento.

O comandante também afirmou que, após a Expofeira, os 191 formandos serão distribuídos pelos batalhões da PM e 87 deles serão remanejados para o interior do Estado, para atender as demandas nos 16 municípios do Amapá.

Conforme o titular da Secretaria de Estado da Justiça e Segurança Pública (Sejusp), Marcos Roberto, os novos soldados é um progresso na estruturação da PM. O secretário ressaltou que, desde o início de sua gestão, o governador Camilo Capiberibe realizou investimentos para o combate da criminalidade no Amapá.

“Desde o início, o governador trabalha para melhores dias do nosso povo. O governo investe de maneira correta e transparente os recursos públicos. Agradeço a sensibilidade do governador em estruturar nossa polícia, para que façamos a manutenção da paz no Amapá”, destacou Marcos Roberto.

Polícia Comunitária

Durante seu pronunciamento, o governador afirmou que o novo efetivo é essencial para o fortalecimento da segurança pública em todo o Estado. Camilo Capiberibe pontuou que, desde janeiro de 2011, o governo chamou 527 militares para a corporação da PM.

Para o governador, além do combate à criminalidade, o reforço da PM objetiva a implementação da Polícia Interativa Comunitária, que consiste na aproximação do policial com a comunidade. Camilo Capiberibe discorreu sobre medidas tomadas em prol da estruturação da Polícia e a importância da prevenção de crimes.

“Chamamos os concursados, fizemos investimentos em viaturas, combustível e armamento. Vamos implantar as bases da Polícia Comunitária até o fim de 2011, para que ocorra a prevenção da violência, que é melhor do que punir quem infringe as Leis. Queremos menores índices de criminalidade e para isso, precisamos da polícia nas ruas e dos batalhões com recursos humanos nos bairros, pois todo cidadão tem direito à paz”, enfatizou o governador.

Compromisso e gratidão

Para o formando Abel de Souza Figueiredo Júnior, primeiro colocado no CFA, a incorporação à PM trouxe felicidade e responsabilidade. O novo soldado agradeceu o governador pelo chamamento dos concursados e afirmou que trabalhará para honrar a instituição militar.

“Estou muito feliz em ser um novo policial militar e espero atender as expectativas da sociedade. Este é um dia muito importante para nós, pois sabemos da importância da nova função e reconhecemos o compromisso do governo em reforçar esta instituição. Agradecemos ao governador Camilo Capiberibe por ter chamado os concursados da PM”, afirmou o Abel Junior.

Também prestigiaram a solenidade autoridades militares, secretários de Estado, representantes das outras esferas do poder do Amapá, imprensa, familiares dos formandos e sociedade civil.

Elton Tavares
Assessor de comunicação
Secretaria de stado da Comunicação
Compartilhe isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*