Governo do Amapá lança Programa de Aquisição de Alimentos

Foto: Márcia do Carmo.
O governador Camilo Capiberibe lançou, nesta segunda-feira, 18, no Palácio do Setentrião, o Programa de Aquisição de Alimento (PAA). A ação contará com um investimento do governo federal de R$ 1.432.200,00 e contrapartida do Estado no total de R$ 352.472,50, que soma o montante de R$ 1.784.682,50. O recurso beneficiará 14 municípios do Estado, 335 agricultores, 160 entidades sociais, atingindo aproximadamente 35 mil pessoas.

O PAA será executado pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Rural (SDR) em parceria com a Secretaria de Estado de Inclusão e Mobilização Social (SIMS) e Instituto do Desenvolvimento Rural do Estado do Amapá (Rurap). Conforme o diretor do Rurap, Max Ataliba, a iniciativa garantirá alimentos às populações em situação de insegurança, além de permitir aos agricultores familiares que armazenem seus produtos para que sejam vendidos a preços mais justos.

De acordo com o titular do Rurap, o PAA é uma iniciativa que irá alavancar a produção agrícola local, pois 30% dos alimentos servidos na Merenda Escolar do Estado serão comprados de agricultores do interior do Amapá.

Para o governador, parcerias como essa com o governo federal são fundamentais para o desenvolvimento do Estado. Segundo Camilo Capiberibe, somente para o Rurap são R$ 510 mil em contrapartidas, para melhoria do cidadão do interior do Amapá.

“O PAA consiste em agricultura e assistência social. Um setor vai produzir e outro irá receber os produtos. Não estamos fazendo nenhum favor, é a nossa obrigação melhorar a qualidade e vida do cidadão, seja nas instituições que prestam assistência, nas escolas agrícolas ou nos outros órgãos ligados ao PAA. Tudo com o apoio técnico necessário”, pontuou o governador.

Além do governador Camilo Capiberibe e de Max Ataliba, prestigiaram o lançamento a primeira dama do Estado, Cláudia Capiberibe, o titular da SDR, José Roberto, a deputada federal Janete Capiberibe (PSB), a deputada estadual Cristina Almeida (PSB), o vereador de Macapá Washington Picanço (PSB), a secretária adjunta da SIMS, Eloiana Cambraia.

Também compareceram ao evento, representantes de entidades que prestam assistência social no Amapá, Ivanete Mendes, Raimundo Sousa e membros do Comitê Gestor do PAA, Daniel Santos de Assis (Rurap) e Edna Shirley Teixeira, da Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais na Agricultura do Amapá (FETTAGRAP).
Foto: Márcia do Carmo.

Beneficiados

Os municípios, localidades e comunidades ribeirinhas, quilombolas e assentamentos beneficiados são: Macapá, Santana, Mazagão, Laranjal do Jari, Vitória do Jari, Porto Grande, Pedra Branca do Amapari, Serra do Navio, Ferreira Gomes, Tartarugalzinho, Itaubal, Cutias do Araguari, Amapá e Pracúuba.

Modernização

Camilo Capiberibe disse ainda que a mecanização é outra meta para a melhoria da produção agrícola do Amapá. O governador afirmou que tem conversado bastante com os gestores do Rurap e da SDR para a modernização do trabalho rural.

“Precisamos libertar o nosso agricultor. A mecanização é fundamental para produzir mais e melhor. A vida no campo nunca será fácil, mas não precisa ser tão difícil quanto é hoje para o produtor amapaense”, crê o governador.

“Estamos implantando um sistema de gestão que faça os setores avançar, uma forma de administrar para que a sociedade saiba onde queremos chegar e nós sabermos as metas que devemos cumprir e levar este Estado para frente”, enfatizou Camilo Capiberibe.

Elton Tavares
Assessor de Comunicação
Secretaria de Estado da Comunicação
Compartilhe isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*