Hemoap comemora o Dia Nacional do Doador Voluntário

Hemoap – Foto: Gilmar Nascimento
Nesta quinta-feira, 25 de novembro, é celebrado o dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue. O Centro de Hemoterapia e Hematologia do Amapá (Hemoap) comemora a data dando continuidade a “Semana de Doação de Sangue”, iniciada na última segunda-feira, 22. Com a programação, o Hemoap visa sensibilizar a sociedade sobre a importância de manter um estoque preventivo de sangue no período dos festejos e férias de final de ano.

A doação de sangue é um ato voluntário. Ao doar, o indivíduo não apresenta nenhuma manifestação corpórea. Os cuidados após a coleta são: evitar dobrar o braço pelo qual o sangue foi retirado, evitar esforço físico no dia da coleta, manter o curativo por até quatro horas, não fumar nas primeiras duas horas e não ingerir bebidas alcoólicas nas próximas 12h.

A assistente social do Hemoap, Maria Doralice Guedes, explica que, como a campanha é nacional, a Semana de Doação de Sangue encerrará na próxima sexta-feira, 26. Mas segundo ela, o Hemocentro continuará suas atividades para abastecer o Banco de Sangue para as festas de fim de ano.

Doralice Guedes afirmou que, em 2009, o Hemoap captou 7.600 novos candidatos à doação de sangue, totalizando 59.000 cadastros de doação de sangue em todo Estado, mas somente 14% eram doadores fieis. “Existem hoje no Estado 65 mil e 800 doadores de sangue cadastrados, sendo que deste total apenas 20% são doadores assíduos. Por isso é necessário o empenho de todos para que o estoque de sangue atenda a demanda dos hospitais”, explica a assistente social.

Requisitos para ser um doador voluntário

Para se tornar um doador voluntário, é preciso ter entre 18 e 65 anos, mais de 50 Kg, estar em bom estado de saúde, ter comportamento sexual seguro, estar bem alimentado e não ter gripado nos últimos 15 dias. Além de apresentar um documento oficial com foto (Carteira de Identidade, Carteira de motorista ou Carteira de Trabalho) e CPF.

Segundo Doralice Guedes, após a doação, a bolsa que recebe o sangue retirado é encaminhada ao fracionamento, onde será separada em até quatro componentes: hemácias, plasmas, plaquetas e fatores de coagulação, que em seguida são levados para serem armazenados até que sua utilização seja necessária.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS) são coletadas por ano em média 3,5 milhões de bolsas de sangue no Brasil. Para que o serviço atue com regularidade é preciso que pelo menos 3% a 5% da população doem sangue regularmente. No entanto, dados da OMS mostram que somente 1,8% da população brasileira doa sangue.

“O Hemoap agradece a todas as pessoas que se solidarizam com a missão do Hemocentro, que é salvar vidas. Pedimos a toda comunidade amapaense, que se enquadram no perfil o doador, a doarem sangue. Precisaremos de muito sangue neste final de ano, por conta das festas, período que ocorrem muitos acidentes em Macapá e no interior do Estado”, assinalou Doralice Guedes.

Serviço:

O Hemoap funciona de segunda a sexta, de 7h às 12h30 e fica localizado na Avenida Raimundo Álvares da Costa, no centro de Macapá.
Contato: (96) 3212-6139 – Ramal: 216
Elton Tavares
Assessor de comunicação
Secretaria de Estado da Comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *