Hoje => João Batera reúne amigos para festejar 37 anos de carreira e celebrar a vida


Principal referência na música amapaense em se tratando de baterista, João Fernandes Monteiro, o João Batera, enfrentou conturbado problema de saúde em 2013. À época, amigos de todas as ramificações culturais reuniram-se e promoveram uma forte corrente em prol do baterista. Agora, revitalizado e esbanjando saúde, ele volta ao cenário musical com suas inseparáveis baquetas e o instrumento que lhe dedicou o nome artístico, para agradecer ao carinho e festejar, entre amigos, os seus 37 anos de carreira. No Museu Sacaca, o show João Batera Entre Amigos promete emocionar com a reunião de mais de 30 cantores da terra e batidas de todos os estilos.
Dedicado à música desde os 13 anos, aos 14 já tocava profissionalmente, o amapaense João Batera coleciona em seu portfólio trabalhos diversificados – na bateria, violão, como back vocal, produzindo, fazendo arranjos, compondo. Ele é um artista completo, cuja delicadeza e conhecimento lhe renderam trabalhos, gravações e participações com quase todos os músicos amapaenses.
Integrou bandas reconhecidas como Radar 08, Grupo Jean’s, Os Setentrionais, Banda Placa Luminosa, Banda Brind’s e Banda Snak (de Santana). Em 1987 abandona o trabalho com bandas e passa a fazer free-lance musical. E assim, acompanhou músicos como Neivaldo Santos, Osmar Jr., Amadeu Cavalcante, Nivito Guedes, Cley Lunna, Patrícia Bastos, Oneide Bastos, Lula Gerônimo, Grupo Pilão, Marcelo Dias, Val Milhomem, Grupo Senzalas, Naldo Maranhão, Beto Oscar, Helder Brandão, Família Leal (Vanildon, Venilton e Nonato Leal), Brenda Melo, entre outros. Também foi percussionista nos grupos Afro Baraka, Negro de Nós, Pilão, Sambarte. Amigos de longa data que integrarão o encontro João Batera Entre Amigos.

No cenário nacional, Batera se orgulha de ter acompanhado ícones como Belchior, Antonio Marcos, Peninha, Reginaldo Rossi, Flávio Venturini, e os paraenses Maria Lídia, Ronaldo Silva, Pedrinho Cavalera, Banda Alternativa, Banda Via Norte, Nilson Chaves e o Arraial do Pavulagem.

Com essa gama de convidados pra lá de especial, os instrumentistas deste encontro só poderiam ser igualmente feras. A formação pra lá de afiada e afinada que acompanhará Batera na banda base tem José Maria Cruz no violão, Taronga no contrabaixo, Jefrey no teclado e Fábio Mont’Alverne na percussão.
Esse encontro será um dos momentos mais especiais da minha vida, tenho certeza, pois irei agradecer por tudo o que me ajudaram quando mais precisei. Quando fazemos aniversário, convidamos àquelas pessoas que nos são especiais. Assim será esse projeto, um momento musical repleto de amigos, amigos de muito tempo, amigos mais recentes, mas todos fundamentais na minha vida. E o mais importante, num espaço bacana, aberto a quem quiser participar”, diz João Batera.
Serviço:
João Batera entre amigos
Dia: 8 de maio (quinta-feira)
Hora: a partir das 19h30
Local: Museu Sacaca
Entrada franca
Rita Torrinha – Jornalista
Fotos: Arquivo João Batera
Compartilhe isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*