Macapá possui 83% do eleitorado revisado e mais de 40 mil Títulos cancelados


Após oito meses de recadastramento, o Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE-AP) encerrou nesta sexta-feira (29) a Revisão Biométrica em Macapá. Ao todo, 42.476 eleitores da capital não efetuaram a Biometria e terão seus Títulos Eleitorais cancelados, após o processamento do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que pode ocorrer em até três meses.  

Apesar disso, o TRE-AP recadastrou 83.36% do eleitorado da cidade, que somava, até o último pleito,  255.210 cidadãos votantes. O que habilita a o maior colégio eleitoral do Estado a realizar Eleições digitais em 2014, de acordo com a determinação do TSE. Os eleitores atendidos tiveram todos os seus dados atualizados no sistema da Justiça Eleitoral, um dos mais completos do mundo.  

Cancelados

Com o título cancelado, o eleitor sofrerá uma série de restrições, como a impossibilidade de tirar passaporte e carteira de identidade ou tomar posse em cargo público, não poder se matricular em instituições públicas de ensino superior entre outras. 

Números da Revisão Biométrica

Ao todo os números da Biometria em Macapá são 12.919 novos eleitores, 212.734 revisados e 20.387 transferidos para votar na capital amapaense. O que totaliza 246.040 cidadãos votantes na cidade até o momento.
O Alistamento Eleitoral para novos eleitores irá até maio do ano que vem. Mesmo prazo que será dado aos eleitores que pretendem transferir o Título para outro domicílio eleitoral. 

Revisão Biométrica: uma meta atingida 

O TRE-AP realizou o recadastramento digital em Macapá de 15 de abril a 29 de novembro de 2013. A ação dará ainda mais segurança à identificação do eleitor no momento da votação. Com o procedimento de identificação digital, o eleitor passará a ter a identidade confirmada no momento do voto. 

O presidente do TRE-AP, Desembargador Raimundo Vales, comemorou o fato de a Justiça Eleitoral atingir a meta estabelecida pelo TSE e parabenizou os servidores do Tribunal pelo empenho na árdua tarefa. 

Com muito trabalho, atingimos a meta do TSE. A concretização deste desafio nos habilitou a realizarmos Eleições mais seguras e eficientes no pleito de 2014. Parabenizo todos os servidores do TRE-AP pelo o objetivo alcançado. A Justiça Eleitoral continuará trabalhando com afinco para a manutenção da cidadania dos amapaenses”, ponderou o presidente do TRE-AP, Desembargador Raimundo Vales. 

Serviço:

Tribunal Regional Eleitoral do Amapá
Assessoria de Comunicação e Marketing
Elton Tavares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *