Os Bafanas morreram de pé

                                         Por Elton Tavares
A Seleção de futebol da África do Sul se despediu hoje (22) da Copa 2010. Uma pena, já que eles são os anfitriões e tals. Eu sempre torço pelo time mais fraco, ainda mais contra a França, velha carrasca do Brasil (1986, 1998 e 2006). Mas os “Bafanas bafanas”, como é apelidada a equipe sulafricana, morreu de pé.

Eu realmente queria que eles passassem para a segunda fase da competição, até por causa da história sofrida do país, que está somente 16 anos livre do absurdo regime de discriminação racial e religiosa, o infame Apartaid.

A partida de hoje me lembrou um filme dos anos 90, “Jamaica abaixo de zero”, que contou a história de superação do time jamaicano de corrida de trenó no gelo. Um grupo sem técnica e cheio de limitações que provou o seu valor. Os sulafricanos jogaram bem, não conseguiram a classificação, mas morrerão honrosamente de pé.

A boa notícia é que os franceses estão fora, acho que eles sofrem de Zidanedependência (risos). Na escala de antipatia, ainda faltam os italianos e argentinos darem adeus. É isso aí, vamos ao encontro do mais forte. Bora Brasil!
  • Avatar

    eles erraram quando decidiram chamar o parreira de volta…com o joel santana eles iam mais longe…o parreira é o simbolo do retrocesso do futebol mundial que devia engraxar os sapados do romario até hj…muita gente se esquece…mas ele não queria o romário na copa em 94, só chamaram o baixinho pq a seleção tava uma porcaria nas elimintórias perdendo pra colombia do El Diablo Etchevery e alem disso, foi preciso uma comoção nacional pela convocação dele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *