Com apoio da Secult/AP: Carnaguari é realizado no município de Ferreira Gomes neste final de semana

A Prefeitura do município de Ferreira Gomes realizará, neste fim de semana, de 5 a 7 de agosto, o tradicional Carnaguari, carnaval fora de época que acontece na orla da cidade, distante 139 quilômetros de Macapá. O evento faz parte do calendário cultural. A iniciativa contará com o apoio da Secretaria de Cultura do Estado do Amapá (Secult/AP), que fornecerá estrutura de palco, som, iluminação, tendas e cachê artístico para as atrações musicais

Será a retomada do Carnaguari após dois anos de suspensão por conta da pandemia. De acordo com o titular da Secult, Cléverson Baía, a Secretaria não mede esforços para promover arte e cultura nas mais diversas cidades do Amapá.

“Como se trata de um evento que está dentro do calendário cultural do Amapá, o Estado já possui essa parceria com o município, e estamos apoiando com toda a parte estrutural, além de artistas, para sua realização. A participação do Estado nesse tipo de evento fomenta a cultura, o turismo e a economia daquele município”, ressaltou o secretário de Estado da Cultura.

Sobre a Secult

À Secult cabe identificar, preservar e valorizar os bens culturais, promovendo a qualificação e a inovação da produção cultural do Estado do Amapá, fomentando as diversas etapas da cadeia produtiva da cultura, democratizando e popularizando o acesso à cultura. Cultura é desenvolvimento: humano, social e econômico, que deve colaborar com o desenvolvimento do Amapá, auxiliando direta e indiretamente o governador na formulação da política cultural do Estado, planejando, normatizando, coordenando, executando e avaliando-a.

Compreende, ainda, o amparo à cultura, a defesa do patrimônio histórico, arqueológico, paisagístico, artístico e documental, incentivando e estimulando a pesquisa em artes e cultura; apoiar a criação, a expansão e o fortalecimento das estruturas da sociedade civil voltadas para a produção artística, analisando e julgando projetos culturais, deliberando sobre tombamento de bens móveis e imóveis de reconhecido valor histórico, artístico e cultural para o Estado do Amapá.

Assessoria de comunicação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.