Há 18 anos, os negros da África do Sul ganhavam o direito de votar

Em 18 de novembro de 1993, o Governo e a oposição negra acordam nos mecanismos que garantam a transição para um sistema político não discriminatório na África do Sul. Foi criado então um Comitê Executivo Intermediário, com maioria negra, para supervisionar as primeiras eleições multipartidárias e multirraciais, e é criado, também, um organismo que fica encarregado de elaborar uma Constituição que garanta o fim do Apartheid.


O Apartheid (separação) foi um regime de segregação racial adotado de 1948 a 1994 (46 anos) pelos sucessivos governos do Partido Nacional na África do Sul, no qual os direitos da grande maioria dos habitantes foram cerceados pelo governo formado pela minoria branca.

A ação culminou com a realização de eleições multirraciais e democráticas em 1994 (há 17 anos), que foram vencidas pelo Congresso Nacional Africano, sob a liderança de Nelson Mandela.

Meu coment: É sempre bom lembrar para que nunca mais aconteça, seja por causa da raça, opção sexual ou religiosa. Chega de loucuras!

Fonte: Wikipédia
Compartilhe isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*