Mentiras, mentiras e mentiras. Uma onda avassaladora!

É duro constatar, mas constate-se, a bem da verdade.

Apesar dos esforços de meio-mundo, não foi possível, ou não está sendo possível conter a avalancha de fake news que inundam esta campanha eleitoral no Brasil.

A mentira, a boataria, a maluquice e a insensatez que se disseminam nessas redes sociais é alguma coisa de aterradora.

Mas essa onda de mentiras, convenhamos, é democrática: atinge todo mundo.

Atinge Bolsonaro, Haddad, Ciro, Alckmin, Marina, Amoêdo – todo mundo.

A frequência das fake news, obviamente, é proporcional à posição dos candidatos nas pesquisas.

As mentiras circulam, sobretudo, pelo WhatsApp.

É uma febre de mensagens encaminhadas que ninguém consegue controlar.

Que pena!

Numa democracia como a brasileira, que resistiu bem, apesar da queda de dois presidentes que sofreram o impeachment, eleitores ainda não conseguiram atinar para a gravidade da propagação de mentiras.

Fonte: Espaço Aberto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *