MPEduc: projeto visa melhorias na educação básica em Laranjal do Jari

Participantes da reunião em Laranjal do Jari (Foto: Promotoria de Justiça de Laranjal do Jari)

Os Ministérios Públicos Federal (MPF/AP) e Estadual (MP/AP) implementaram o projeto Ministério Público pela Educação (MPEduc) em Laranjal do Jari. A proposta é melhorar as condições estruturais e de ensino da educação básica. Em 2015, o município apresentou notas entre 3.5 e 4.1, do 4º ao 9º ano, no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica. A escala de 0 a 10, estabelecida pelo Ministério da Educação, mede a qualidade do ensino no Brasil.

A reunião inaugural do MPEduc ocorreu na última semana na sala do Tribunal do Júri no Tribunal de Justiça em Laranjal do Jari. Cerca de 50 educadores participaram da reunião. Na oportunidade, foram expostos os objetivos do projeto e a importância da participação dos educadores em todo o processo. Os profissionais foram convidados a preencher questionários no site do MPEduc. Com os resultados, será possível fazer um diagnóstico inicial sobre as condições estruturais das instituições de ensino e cobrar melhorias dos gestores públicos.

Audiência pública – Foi definida, também, data da audiência pública que é mais uma etapa do MPEduc. O evento vai ocorrer no dia 24 de outubro, às 17h, em local a ser definido. A comunidade escolar, pais de alunos e interessados no assunto são convidados a participar.

MPEduc – O MPEduc, realizado em parceria entre Ministério Público Federal e Ministério Público Estadual, tem o objetivo de melhorar a educação básica no Brasil. No Amapá, o projeto começou a ser desenvolvido em maio de 2014, em Oiapoque. Em 2015, o município escolhido foi Porto Grande. A seleção dos municípios onde será desenvolvido o MPEduc depende das notas alcançadas no Ideb.

Assessoria de Comunicação Social
Ministério Público Federal no Amapá
(96) 3213 7895
prap-ascom@mpf.mp.br

Compartilhe isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*