Poema de agora: NOSSOS EUS – Rui Guilherme

NOSSOS EUS

Eu tenho um lado diferente:
ora sou bicho, ora sou gente.

Eu tenho um lado distinto:
vezes eu penso; vezes, so sinto.

Eu tenho um lado incerto:
nem bem estou longe e já quero estar perto!

Eu tenho um lado oposto:
pura alegria, fundo desgosto.

Eu tenho um lado errado:
ora me esquecem, ora sou lembrado.

Eu tenho um lado triste:
nele a ironia persiste,
pois nesse lado do meu lado,
por bem ou de mau grado,
tu não me sais da lembrança
e com ela a esperança
de reaver teu corpo amado
aqui comigo, ao meu lado.

Rui Guilherme

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *