Poema de hoje

A taça
Que meu vinho que transborda
Pela taça que hoje bebo,
Faça de mim tua vida
Como clama meu desejo.
Que meu pedido se realize
Quando o gole já descer.
Quero seu corpo mais sublime
Neste meu pequeno bel-prazer.
Embriago-me em boas lembranças
Que não quero nem saber
Se é tudo esperança
Ou a razão de bem querer.
Quero ver-te sempre comigo
Para tão cedo não sofrer.
Darth J. Vader
Compartilhe isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*