Caminhada Rumos do Itaú Cultural chega a Macapá nesta quinta-feira

Por Marcelle Nunes

No dia 19 de outubro, das 18h às 22h, a Biblioteca Pública Estadual Elcy Lacerda recebe uma equipe do Itaú Cultural para realizar a Caminhada Rumos – Escuta. A proposta do grupo formado pelos gerentes do instituto Tânia Rodrigues, do núcleo Enciclopédia, e Marcos Cuzziol, de Inovação, é ouvir artistas, pensadores, pesquisadores, gestores da cidade e interessados no assunto com o objetivo de criar um mapeamento e entender como o Rumos e outras ações do instituto podem acolher mais e melhor as pessoas e os projetos da região. Esta é uma das novidades deste programa, que chega aos 20 anos como um dos primeiros editais públicos do Brasil e no momento em que o instituto completa três décadas de fomento à produção e à difusão de trabalhos de artistas, produtores e pesquisadores brasileiros.

A instituição abriu no dia 29 de agosto as inscrições para a edição Rumos Itaú Cultural 2017-2018, que devem ser efetuadas exclusivamente pelo site rumositaucultural.org.br até as 23h59 de 3 de novembro – horário de Brasília. Para explicar como funciona, uma equipe do Itaú Cultural vem percorrendo todas as regiões do Brasil na já tradicional Caminhada Rumos, até o dia 26 de outubro, passando pelas 27 capitais de modo a abranger todos os estados do país.

Em 10 das capitais, a caminhada é ampliada por uma ação diferenciada que começou em Porto Velho (RO) e encerra, agora, em Macapá (AP). Entre a primeira cidade e esta, passou por Rio Branco (AC), Campo Grande (MS), Boa Vista (RR), Palmas (TO), Maceió (AL), Teresina (PI), Cuiabá (MT) e Aracaju (SE). Nestas localidades, o encontro é mais dinâmico de modo a lançar um olhar mais apurado, exercer uma escuta e discutir a cena cultural local para identificar as suas potências, dificuldades, melhorias e necessidades.

O instituto identificou, nelas, baixa inscrição no Rumos, refletindo questionamentos recorrentes da distância geográfica, isolamento, falta de investimento público, de informação e de distribuição de recursos. Não é necessário se inscrever para participar da Caminhada Rumos – Escuta e a entrada é gratuita, contando, ainda, com interpretação em Libras, a Língua Brasileira de Sinais.

Sobre o Rumos Itaú Cultural

O Itaú Cultural mantém o programa Rumos desde 1997. Este que é um dos primeiros editais públicos do Brasil para a produção e a difusão de trabalhos de artistas, produtores e pesquisadores brasileiros, já ultrapassou os 52 mil projetos inscritos vindos de todos os estados do país e do exterior. Destes, foram contempladas mais de 1,3 mil propostas nas cinco regiões brasileiras, que receberam o apoio do instituto para o desenvolvimento dos projetos selecionados nas mais diversas áreas de expressão ou de pesquisa.

Os trabalhos resultantes da seleção de todas as edições foram vistos por mais de 6 milhões de pessoas em todo o país. Além disso, mais de mil emissoras de rádio e televisão parceiras divulgaram os trabalhos selecionados.

Nesta edição de 2017-2018, os projetos inscritos serão examinados, em uma primeira fase seletiva, por uma comissão composta por 40 avaliadores contratados pelo instituto entre as mais diversas áreas de atuação e regiões do país. Em seguida, passarão por um profundo processo de avaliação e análise por uma Comissão de Seleção multidisciplinar, formada por 22 profissionais que se inter-relacionam com a cultura brasileira, incluindo gestores da própria instituição.

SERVIÇO

Caminhada Rumos – Escuta
Em Macapa (AP)
19 de outubro, quinta-feira, das 18h às 22h
Biblioteca Pública Estadual Elcy Lacerda
Rua São José, 1800 – Centro

Fonte: A Gazeta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *