Fumcult cadastra propostas culturais para o Macapá Verão 2014


Iniciou nesta quarta-feira (25) o cadastramento de propostas culturais que devem fazer parte da Programação do Macapá Verão 2014. As inscrições acontecem na sede da Fundação Municipal de Cultura, localizada na Rua Eliezer Levy, 1610, Centro. As inscrições seguem até o dia 30 de junho, no horário das 8h às 12h e das 14h às 18h.

No ato da inscrição é necessária a apresentação de portfólio com release, recortes de jornais, revistas, fotos, CD e DVD. Podem inscrever-se atores, músicos, dançarinos, poetas, entre outros que tiverem interesse em se apresentar nos palcos do Macapá Verão, além de locutores e donos de sons para evento de pequeno porte.

Após a primeira etapa, as propostas serão analisadas por uma equipe formada por reconhecidos conhecedores das manifestações culturais e nomeados pela Fumcult. As propostas que melhor se enquadrarem na programação serão aceitas.

A programação cultural será apresentada nos balneários do Curiaú e nos Complexos Turísticos do Jandiá, do Araxá, Fazendinha, além de outros distritos de Macapá.

Para fazer o cadastro, os interessados deverão encaminhar à Fumcult o Requerimento de Cadastro Macapá Verão 2014 ao qual deverão ser anexados: Portifólio e cópias de Carteira de Identidade, CPF e Comprovante de Residência. Poderão se cadastrar Pessoas Físicas e Jurídicas dos segmentos culturais com sede no município de Macapá.

Serviço:

Macapá Verão 2014 – Cadastramento de propostas culturais
Período: 25 a 30 de junho
Local: Fumcult
Horário: das 8h às 12h e das 14h às 18h
Mais informações: 8802-

Conjunto Macapaba: presidente Dilma Roussef entrega 2,1 mil apartamentos no Amapá

A presidente do Brasil, Dilma Roussef inaugurou ontem (23), o Conjunto Macapaba, localizado na BR-210, Zona Norte de Macapá. Ao todo, 2,1 mil apartamentos foram construídos pelo Governo do Amapá com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2), com contrapartida de 10% de recursos estaduais. O investimento na obra soma R$ R$ 239,4 milhões. Mais de 2.000 famílias amapaenses foram beneficiadas.