Feira Colaborativa garante renda para artesãos durante o Macapá Verão

As domingueiras do Macapá Verão encerraram com saldo positivo para os artesãos que participaram da feira colaborativa. O projeto é da Prefeitura de Macapá e visa gerar oportunidades de espaços de trabalho e capacitação para os empreendedores em todos os eventos do município. Durante toda a programação, 103 comerciantes participaram tanto das domingueiras quanto das estações Lunar, da Criança e Rock.

Além de estimular o aproveitamento das vocações regionais, a feira contribui para o aumento da renda dos participantes. Uma delas é a artesã Rosângela Moraes, que há cinco anos tem como fonte de renda a venda de sandálias e moda praia. Para o Macapá Verão, ela desenvolveu a pintura em sandálias, que conquistou as veranistas. “Sempre participo das programações da prefeitura e, para este ano, resolvi investir na pintura em sandálias, porque são diferentes e tem uma boa aceitação do público. Consegui vender todas as peças e garantir uma boa renda”, comemora a artesã.

Também foram comercializados quadros, biojoias, camisetas customizadas, chapéus, entre outros produtos. A professora Karla Santos aproveitou para escolher brincos que mandará para as irmãs que moram em Salvador. “Aproveitei a diversidade de modelos para comprar algumas lembranças para as minhas irmãs que moram em Salvador, além de ser uma forma de presentear, é uma maneira de levar para outras capitais o artesanato desenvolvido aqui”, disse Karla.

Todos os artesãos foram cadastrados por meio de edital para participar da programação do Macapá Verão.

Jamile Moreira
Assessora de comunicação/PMM
Fotos: Gabriel Flores e Max Renê

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *