MP-AP participa de XIV Encontro Nacional de Controle Interno

O promotor de Justiça, Manoel Felipe Menezes, representou o procurador-geral de Justiça do Ministério Público do Amapá (MP-AP), Márcio Augusto Alves, na abertura do XIV Encontro Nacional de Controle Interno, realizada nesta quarta-feira (29), no Teatro das Bacabeiras. O evento, que encerra nesta quinta-feira (30), é maior de Controle Interno Governamental do Brasil. Dentro da programação também ocorrerá nos dias 30 e 31 deste mês, a 28ª Reunião Técnica do Conselho Nacional de Controle Interno (Conaci).

Durante os dois dias do encontro, serão apresentados e debatidos temas relacionados à governança, transparência, acesso à informação, prevenção e combate à corrupção. O evento é realizado pelo Conaci, em parceria com o Governo do Estado do Amapá, e tem como objetivo reunir dirigentes de órgãos públicos estaduais, municipais e federais para discutir mecanismos de fortalecimento da gestão pública e contra a corrupção.

O presidente do Conaci, Álvaro Franklin, fez a abertura do simpósio. “Aqui estamos todos nós, do Oiapoque ao Chuí, com o objetivo de discutirmos o nosso papel de mediadores da segurança pública nesse evento de Controle Interno. Dou as minhas boas-vindas a todos os participantes”, salientou.

De acordo com o secretário Federal de Controle Interno, Antônio Carlos Bezerra Leonel, que representou o Ministro da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU),Wagner de Campos Rosário, o controle é um ato de muita coragem política. “Todos devem estar engajados nas ações. Vamos ter que nos organizar para no próximo ano ajustarmos ações para o efetivo controle dos serviços”, pontuou.

O controlador geral do Estado, Otni Alencar, que coordenou a realização do evento, deu boas vindas aos presentes. “Sejam bem-vindos a este momento em que estamos reunidos em prol de um futuro igual e mais solidário para com a nação brasileira”, frisou.

O prefeito de Macapá, Clécio Luís, elogiou o evento e afirmou que a integração e aprimoramento dos órgãos de controle estaduais e municipais é fundamental para a gestão. O governador do Amapá, Waldez Góes, ressaltou que o Controle Interno é um dos seus compromissos.

O promotor de Justiça que representou o PGJ comentou a participação do MP-AP. “Representar o MP-AP nesta reunião é uma honra, especialmente porque o aperfeiçoamento do trabalho dentro do controle interno, serve como prevenção ao mau uso das verbas públicas. Quando detectado o mau uso dos recursos públicos, é o Controle Interno que nos dá o arcabouço de provas afim de que façamos a percepção criminal e civil de práticas ilícitas. Ou seja, é o braço direito do órgão ministerial na luta contra a corrupção ”, explicou Manoel Felipe Menezes.

Sobre o Conaci

Atualmente, a instituição é composta por 49 membros, representantes de secretarias de controle interno, auditorias gerais e ouvidorias gerais dos 27 estados, Distrito Federal, União e 19 capitais. Sua atuação se dá a partir do intercâmbio de conhecimentos, práticas e informações, possibilitando um trabalho conjunto para a formulação, implementação e avaliação de políticas nacionais de controle e gestão.

A programação conta com a participação de profissionais, especialistas, professores e servidores públicos, de todo o Brasil, que compartilharão conhecimento e experiências sobre a implementação de políticas de controle interno e gestão pública, e aperfeiçoamento das ações preventivas na área.

SERVIÇO:

Elton Tavares
Assessoria de Comunicação do Ministério Público do Amapá
Contato: (96) 3198-1616
E-mail: [email protected]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *