População deve ficar atenta quanto ao uso de praças públicas

Fiscais da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitacional (Semduh) fizeram ações volantes em praças da cidade, no fim de semana. Além de instruir os comerciantes irregulares sobre as vendas de alimentos nos locais, o que é proibido sem cadastro e posterior autorização, outros casos foram encontrados e orientados sobre a imediata retirada.

Entre as principais reclamações enviadas ao órgão sobre o uso das praças públicas está a venda de roupas usadas. Pessoas armam tendas e utilizam o espaço para a comercialização das mercadorias. No fim de semana, foram encontradas situações como essa na Praça Veiga Cabral, onde vários espaços foram tomados com essa finalidade, sem qualquer tipo de autorização.

“As praças são de uso da população para lazer e não podem ser utilizadas para qualquer tipo de comércio sem cadastro e autorização. Em muitos casos e locais, esse tipo de atividade é proibido”, esclarece a titular da Semduh, Telma Miranda.

Como medida educativa, fiscais orientaram os comerciantes, que fizeram a retirada dos materiais do local. Com o objetivo de coibir esse tipo de prática irregular, as ações prosseguirão nos demais fins de semana.

Patricia Leal
Assessora de comunicação/Semduh
Contato: 99111-8868

Compartilhe isso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*