Justiça do Amapá se solidariza com famílias das vítimas e sobreviventes do naufrágio do barco Anna Karoline III

Com sentimento de consternação, o Tribunal de Justiça do Amapá (TJAP), neste momento de dor, vem a público se solidarizar com familiares das vítimas e sobreviventes do naufrágio da embarcação Anna Karoline III, ocorrido na madrugada de sábado (29/02), no Rio Jari. O Judiciário amapaense também presta sua solidariedade aos profissionais socorristas das forças de segurança do Amapá e da Marinha do Brasil, que trabalham incansavelmente no resgate das vítimas.

É com pesar que a Justiça do Amapá lamenta mais uma tragédia fluvial que marca este meio de transporte tão necessário e usual para a realidade amazônica. No ensejo, alertamos aos embarcadiços e usuários, que observem as normas de segurança definidas pela Capitania dos Portos, contribuindo para que vidas sejam preservadas.

O Tribunal de Justiça do Amapá está à disposição das famílias vitimadas, bem como das forças de segurança e salvamento, para quaisquer iniciativas que estejam ao alcance do Poder Judiciário.

Desembargador João Guilherme Lages Mendes

Presidente do Tribunal de Justiça do Amapá

Assessoria de Comunicação Social do Tribunal de Justiça do Amapá

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *