Macapá Verão 2017: shows musicais, concursos, esporte e lazer garantem diversão no balneário de Fazendinha

Cantor João Amorim

Entretenimento, esporte, cultura, lazer e incentivo à preservação do meio ambiente estiveram entre as principais atrações presentes no último dia de programação do Macapá Verão, no balneário de Fazendinha. Logo pela manhã, 800 competidores participaram da I Corrida Macapá Verão, num percurso de 7 km. Durante toda programação, diversas atividades esportivas, como futebol e vôlei de areia, fizeram a diversão do público presente. Além disso, a distribuição de mudas de plantas certificou os veranistas pela iniciativa com o título de “Amigo Verde”.

“A participação do público foi a melhor de todos os domingos. Percebemos que teve um retorno da população com a procura das atividades. Não só a programação cultural foi importante, mas todos os outros serviços executados, como, por exemplo, a doação de mudas de plantas, o troca-treco e as modalidades esportivas. Acima de tudo, vimos à tranquilidade da população, quase não foram registradas ocorrência de maior relevância”, disse o diretor-presidente da Fumcult, Sérgio Lemos.

No palco da concha acústica, os shows artísticos e os concursos de dança e da Musa Verão fizeram a diversão dos veranistas. As estudantes Pâmela e Viviane, amantes da dança, requebraram ao som do funk e garantiram premiação no concurso. “Viemos no primeiro domingo, mas não conseguimos participar de nenhum concurso, porque não tinha mais vaga. Hoje, viemos e já ganhamos. Gostamos muito da programação, só faltamos um domingo. Afinal, temos que aproveitar as férias e se divertir junto com a família”, disse Pamela Bianca Silva.

“Cantar no Macapá Verão é uma satisfação muito grande, pois aqui podemos fazer aquilo que a gente sabe fazer, que é a nossa música regional, com o batuque, Marabaixo e o zouk. Parabéns à organização, sempre pontual. O artista é muito bem tratado”, disse o cantor João Amorim.

A coordenação do evento espera manter os serviços que foram novidades e garante melhorias para a diversão e participação do público no próximo ano. “Para o ano que vem, pensamos em iniciar a programação cultural um pouco mais tarde, para que haja a participação e interação do público. Além disso, queremos inserir mais atividades esportivas, principalmente às margens do rio. Vamos precisar aumentar a estrutura de banheiros e chuveiros, e tentar, junto aos órgãos públicos estaduais, a melhoria da segurança”, garantiu Sérgio Lemos.

Realizado pela prefeitura, o Macapá Verão 2017 contou com o patrocínio da Fundação Nacional de Artes (Funarte), Ministério da Cultura (MinC) e Governo Federal, e apoio da Caixa Econômica.

Márcia Fonseca
Assessora de comunicação/PMM
Contatos: 98139-7609 / 99118-7183
Foto: Rui Brandão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *