Prefeitura declara Situação de Emergência durante o período de chuvas em Macapá

O prefeito de Macapá, Dr. Furlan, assinou nesta segunda-feira (8) o decreto municipal no 1.355/2021- PMM que declara Situação de Emergência no município de Macapá, em decorrência dos riscos de alagamentos e inundações durante o período chuvoso.

De acordo com o decreto, fica declarada Situação de Emergência pelo prazo de 180 dias, tradicionalmente o período de maiores chuvas na capital. Para o chefe do executivo municipal, a medida vai permitir o avanço nas ações de prevenção e respostas aos possíveis alagamentos que ocorram na cidade.

“Não podemos permitir que a população sofra mais com esses alagamentos que se repetem há anos. O decreto vai permitir que adotemos medidas de emergência para amenizar sinistros causados pela chuva, como o que aconteceu no centro da cidade há alguns dias. Além disso, ações preventivas eficazes serão priorizadas”, ressaltou o prefeito.

A partir do decreto, a prefeitura de Macapá poderá pleitear junto ao Ministério do Desenvolvimento Regional por meio da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, recursos financeiros para a execução da limpeza da cidade.

O município vai intensificar a limpeza e desobstrução dos 9.968 metros de extensão dos canais que cortam a cidade e também das áreas de risco mapeadas pela Defesa Civil municipal.

Plano em prática

No dia primeiro de fevereiro, depois de fortes chuvas, foram registrados vários pontos de alagamento na capital. Imediatamente o município colocou em prática o Plano de Atendimento Emergencial e montou uma força-tarefa com as secretarias municipais de Obras e Zeladoria Urbana, além da Defesa Civil, para amenizar os prejuízos aos munícipes através da Sala de Situação.

Secretaria Municipal de Comunicação Social

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *