Poema de agora: Esperançar II – Leacide Moura

ESPERANÇAR II

Tempo de Deus
Tempo dos homens
Tempo de crueldade
Tempo de misericórdia
Ranger de dentes
De olhar de ira
Qual outono
No coração enraíza
Choro tristeza comoção
Morte
Morte por pandemia
Por guerra
Por miséria
Saga da humanidade
Mãos cruentas do capital
Que explora abandona
Sacrifica
Mas há que se esperançar
Um tempo para sonhar
Um tempo para sorrir
Um tempo para plantar
Um tempo para colher
Um tempo de felicidade
Venha, vamos conhecer!

Leacide Moura

*Leacide Batista Moura, Profa. Esp. Educ. é poetisa, escritora e organizadora de obras. Org. recente organização com Amanda Barreiros: Antologia Mulheres Livres Senhoras de Si; participa da AIML; e já há estudos científicos de sua carreira literária em universidades e simpósios. Tem publicações em diversas obras organizadas por autores nacionais.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.